Escola de Redes

Rede - Participaçäo Política - Impulso Vital

Creio que o "pensar e agir em rede" representa conceitualmente um novo ânimo na política. Sendo a política, aqui, entendida como o exercício da cidadania de uma forma geral, e o ânimo entendido como o impulso vital de relacionar-se. Perceber a vida como uma rede dá a possibilidade de uma pessoa ver-se diante de um campo livre para sua atuaçäo. Ser o que ela é, dizer o que pensa e agir conforme seus princípios. Neste sentido, a rede é o ambiente.

Ao compreender as redes como um "modo de vida" ou como uma interpretaçäo do que é a vida, podemos pensar em instrumentos que sirvam para alimentar a rede, que sirvam para enriquecê-la. Pensando assim, chegamos a pensar mecanismos que façam com que este processo de alimentar a rede seja fácil e prazeiroso. Mecanismos acessíveis a qualquer um. Seräo facilitadores para que o impulso de participaçäo possa se manifestar na sociedade.

E entao chegamos ao bem-estar humano. Seria um novo pacto social. Um pacto social adeqüado que possa canalizar os anseios humanos - tal como a felicidade - pode ser uma alternativa viável para solucionar a fragmentaçäo social que enfraquece ao invés de enriquecer. Uma estratégia possível de difusäo do novo pacto social seria reunirmos um conjunto de pessoas (comunidade) numa roda (um world café, uma rede social como o NING, ou outra forma de participaçäo) e dizermos: Bom gente, o que importa, afinal de contas, é a felicidade. E pergunta-se: Como chegaremos lá?? O passo seguinte é a co-criaçäo de uma outra realidade, condizente com o pacto escolhido.

E o resultado é: um ambiente propício (a rede), os instrumentos adequados (mecanismos de participaçäo política) e um bom motivo para participar (estar bem, individualmente e coletivamente).

Creio que o ânimo, ou o impulso vital de participar da sociedade, encontra-se no sentido que o indivíduo passa a dar à coisa. Mesmo que ele esteja fazendo exatamente o mesmo que ele já fazia antes, se agora ele se encontra carregado de sentido/propósito/intento, entäo estará aliado à sua própria natureza. Quando o indivíduo está conectado à sua própria natureza, manifesta-se sua potência em completude.

Exibições: 48

Comentar

Você precisa ser um membro de Escola de Redes para adicionar comentários!

Entrar em Escola de Redes

© 2019   Criado por Augusto de Franco.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço