Escola de Redes

O Jacarandá e o desempenho acústico decorrente do seu padrão celular

O Canal Futura acaba de exibir o programa Globo Ecologia, apresentado por Regina Casé. Ao exibir uma imagem do padrão de organização celular do Jacarandá, logo percebi homologias existentes na formação do tecido.

A regularidade do padrão formado é responsável pelo desempenho acústico, fazendo do jacarandá a madeira preferida na construção de instrumentos musicais.

Se observarmos a uma distância maior, pensando no "enxameamento" das células, torna-se evidente a reprodução de um padrão, em "ondas" ou uma nova forma que procura corresponder à forma de um enxameamento central na rede celular. Na imagem abaixo, um corte, mas se pode imaginá-la tridimensionalmente.

Uma madeira com tal regularidade só é extraída de troncos retos e longos. Isto acontece com o jacarandá porque ele cresce rodeado de diversas outras espécies e se esforça para alcançar a luz solar. De certo modo, um tipo específico de comunicação da planta com o seu entorno (a rede da floresta) conduz seu tipo específico de desenvolvimento. Não entendo nada de plantas, das diversas variedades de jacarandá existentes, mas acho que as informações não se imprimiram em todos do mesmo modo. Penso que sem a floresta em volta, o (s) jacaranda (s) tende (m) se espalhar. Será que isso muda alguma coisa no padrão celular, as suas "homologias"?

jacaranda_de_minas

Exibições: 461

Comentar

Você precisa ser um membro de Escola de Redes para adicionar comentários!

Entrar em Escola de Redes

© 2019   Criado por Augusto de Franco.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço