Escola de Redes

"Negócios e escola de rede" é uma equação cuja solução é complexa.

No meu ponto de vista, a economia por si só não existe. Ela é um produto do desenvolvimento humano e por isso, está intimamente relacionada com os valores coletivos e individuais, a cultura, a estrutura política-social, o ambiente e o comportamento individual e coletivo.

Ao abordarmos exclusivamente um aspecto, estaremos reduzindo nossa perspsctiva e consequentemente teremos soluções parciais. O grande desafio é encararmos todos os aspectos do humano, ao mesmo tempo e trabalharmos em todos eles simultâneamente, reconhecendo a necessidade de integrá-los. Caso contrário estaremos utilizando as mesmas ferramentas reducionistas e parciais para a solução de problemas que se mostram integrais.

Discutir economia (comercialização de produtos) é discutir valores (não dos produtos rsrsr, mas os de vida), é discutir cultura, comportamento. E aqui sim, vejo um solo fértil, afinal estamos em uma escola, local apropriado para discussões e apredizados. E não qualquer escola, mas de redes, que nos remete sempre a noção de que somos a rede e tudo está conectado: o comportamento, os valores, o conhecimento, o organismo, a cultura, a estrutura social, o ambiente, eu e o outro.

Nesta perspectiva, não é possível ser uma rede e ser um indivíduo separado dela. Não estou aqui, propondo a coletividade em detrimento da individualidade e sim a coletividade onde somos coletivos, como na economia e a individualidade, onde somos indivíduos como no estilo de vida, no pensamento, no corpo físico.

A consciência de todos os aspectos do humano, promove ações integrais, inteiras e íntegras, evitando os meios e a parcialidade de soluções.


Abraços a todos.

Exibições: 132

Comentar

Você precisa ser um membro de Escola de Redes para adicionar comentários!

Entrar em Escola de Redes

Comentário de Haroldo Vilhena em 7 outubro 2009 às 13:51
Roberta,
Dizem alguns que os conhecimentos foram divididos para uma compreensão facilitada, mas nunca foram desligados um do outro. Acho que hoje a humanidade esta voltando a encontrar formas de interligá-los novamente para ganhar significado.
Assim, na minha concepção é a Economia, que passou por anos sendo tratada com ciência lógica, matemática, mas tem aspectos muito mais sociais e humanos.

© 2019   Criado por Augusto de Franco.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço