Escola de Redes

Achei que este poema que escrevi faz algum tempo tinha a ver com Redes sociais e educação

Os pássaros e os Lírios

“ Olhai os pássaros do céu e
os lírios do campo... ”

A vida é criação.
Prazeroso jogo de formas,
de sons, de ritmo e de cores.
Tudo muda aos olhos, ao toque,
e até ao silêncio de cada um.
Cada individuo, cada ser, cada coisa
existente, é um sistema complexo que
possibilita a vida, interage em fluxo contínuo.
Somos todos poetas
Estamos sempre criando,
mesmo quando somente observamos.
Em todos os vãos
Em todas as frestas.
Brota a beleza.
Tudo é experiência
Tudo é mudança.
Até a mudança muda
A cada instante.
Não mudamos mais,
Como mudávamos antes.
A vida é generosa.
Não só com o mais forte
e não para o mais rápido somente.
Há espaço para todos.
A vida cria espaços continuamente.
O criador e a criatura andam juntos,
Dançam juntos.
A vida é nós e não eu.
A vida é um rio que flui continuamente
em todas as direções.
Ela destrói e reconstrói.
É auto-organizável.
Ela busca a ordem e a beleza.
Não existe um líder, porque não existe poder centralizado.
A liderança muda a cada instante,
basta entrar em sintonia,
em sincronia.
O pensamento fragmentado, isola e
separa o trabalho do lazer
o pensamento cria o ter, o meu, o eu.
E em conseqüência nasce o medo.
Com o medo perdemos a alegria e
a generosidade, o prazer.
É preciso brincar, desperdiçar
o tempo criativamente.
Perder o juízo para entrar na dança.

Exibições: 104

Comentar

Você precisa ser um membro de Escola de Redes para adicionar comentários!

Entrar em Escola de Redes

© 2019   Criado por Augusto de Franco.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço