Escola de Redes

 
Pesquisadores da Escola-de-Redes desenvolveram NabucoFin: o sistema financeiro de Nabucodonosor – Sistemas Alternativos ao Controle Hierárquico. NabucoFin é um sistema financeiro baseado em confiança (e não em desconfiança) alternativo aos grandes bancos.
 
NabucoFin articula três elementos: a) Instrumentos, b) Operações e c) Rede (de pessoas). Os iniciadores de NabucoFin não desenvolveram a tecnologia física ou digital para criar novos instrumentos: aproveitaram todos (ou quase todos) instrumentos que já estão disponíveis. Mas desenvolveram a tecnologia social (de rede) que permite que você possa usar os instrumentos financeiros alternativos para realizar as operações financeiras básicas apoiado em novos arranjos de pessoas que você conhece e nas quais confia.
 
AS OPERAÇÕES FINANCEIRAS QUE PODEM SER FEITAS NO SISTEMA NABUCOFIN
 
01) Comprar fisicamente
02) Comprar online
03) Pagar contas
04) Realizar pagamentos e recebimentos entre pessoas (físicos ou online)
05) Fazer pagamentos para empresas
06) Receber de empresas
07) Emitir cobranças
08) Realizar saques
09) Fazer câmbio de moedas
10) Investir dinheiro
11) Tomar e pagar empréstimos
12) Organizar um empreendimento em rede (usando os instrumentos e as operações de Nabuco Fin)
 
E tudo isso sem usar para quase nada os bancos tradicionais. NabucoFin é apenas uma parte do Nabucodonosor que, além de finanças, pode desenvolver no futuro outros subsistemas dedicados à alimentação; saúde; educação; moradia; vestuário; transporte; viagens e hospedagens; comunidade e vizinhança; relacionamentos; entretenimento; comunicação; empreendimentos; política; filosofia, ciência e tecnologia; arte; e espiritualidade. Tudo em rede.
 
O lançamento de NabucoFin está sendo feito agora (25/10/2016), com o início da pré-venda. Tire abaixo as suas dúvidas:
 
1 - Sobre a Pré-Venda | A pré-venda significa que o acesso ao Sistema Nabucodonosor estará disponível a partir do dia 09/12/2016. A contrapartida para quem adquirir agora é comprar pela metade do valor (de R$ 300,00 por R$ 150,00). A pré-venda possui um número limitado de apenas 300 inscrições.
 
2 - Para quem serve um sistema financeiro alternativo como NabucoFin? | O sistema serve para pessoas e redes de pessoas que não estão dispostas a se submeter ao controle hierárquico do sistema financeiro tradicional, inclusive para as pessoas que foram punidas por esse sistema porque não tiveram condições de honrar seus compromissos e estão, por exemplo, com restrições no seu CPF ou CNPJ.
 
3 - É obrigatório adquirir o Cartão NabucoFin? O que é e para que serve este cartão? | Adquirir e utilizar o cartão pré-pago NabucoFin não é obrigatório para participar do Sistema Nabucodonosor. Oferecemos diversas alternativas com outros instrumentos financeiros. O cartão pré-pago NabucoFin é adquirido separadamente e é oferecido exclusivamente para membros de Nabucodonosor. Para adqurir o cartão, o pedido é feito internamente na área de membros do sistema NabucoFin. Trata-se de um cartão internacional pré-pago de bandeira VISA, com chip e personalizado, que funciona na função débito no Brasil e crédito fora do Brasil e permite fazer as operações básicas de qualquer cartão (compras, compras online, pagamento de boletos, pagamento de contas, transferência sem custo entre cartões semelhantes, transferência para conta bancária, saques em caixas eletrônicos de Banco 24 Horas etc.).
 
4 - Quais são os custos do Cartão NabucoFin? | Para adquirir: R$ 15,90 por cartão + R$ 8,00 de envio por carta registrada. Carga por boleto: R$3,00. Saque: R$7,00. Ted: R$7,35. Mensalidade: R$3,00. Mas, repetindo: não é obrigatório adquirir o cartão para usar o sistema. Os iniciadores de NabucoFin não têm qualquer lucro com a venda e a operação do cartão.
 
5 - NabucoFin estimula a inadimplência e o calote? | Não. Pelo contrário. Nabuco Fin aconselha que você pague todas as suas contas no prazo e não faça dívidas que não possa saldar. Nabuco Fin é um programa de educação financeira - ou melhor, de livre-aprendizagem financeira - que desestimula o calote e tenta evitar a inadimplência. No entanto, caso você esteja endividado, ele oferece vários arranjos de instrumentos e procedimentos alternativos para que você possa operar financeiramente conseguindo assim sobreviver e cumprir as suas obrigações. E não ser excluído do mundo!
 
6 - NabucoFin é um sistema para ganhar muito dinheiro? | Não é um sistema para alguém ficar rico. É possível, entretanto, movimentar quantias compatíveis a rendimentos suficientes para uma vida digna.
 
7 - NabucoFin não viola as leis brasileiras? | Não, a iniciativa é absolutamente legal, como seria legal qualquer sistema que não recolhesse dinheiro alheio ou resolvesse administrar recursos de terceiros de modo centralizado ou descentralizado. Para tanto seria necessário obter autorização do Banco Central ou do Ministério da Fazenda, o que não faz - no caso - o menor sentido. Num sistema financeiro em rede como Nabuco Fin você nunca recebe depósitos dos participantes, não aplica dinheiro alheio, nem mesmo aconselha o que cada um vai fazer com o seu próprio dinheiro. O segredo é bem simples. Cada pessoa (que quiser) deposita seus recursos em suas próprias contas digitais (e elas poderão ter várias, se quiserem). Cada pessoa empresta (ou não) os seus recursos a quem quiser (como se fosse uma ação entre amigos). Não há taxas de nenhum tipo e ninguém - a não ser todos, quer dizer, cada um - fica com juros, spread ou lucro (se quiser). Os empréstimos são apenas uma das 12 operações básicas possíveis.
 
8 - Há algum tipo de taxa ou porcentagem por operação em NabucoFin? | Não há qualquer taxa ou porcentagem cobrada por operação, seja ela qual for.
 
9 - Quem são os donos do NabucoFin? | Nabucodonosor é uma iniciativa em rede, não uma instituição centralizada. É uma iniciativa sem fins lucrativos.
 
10 - Qual é o negócio de NabucoFin? | Nabuco Fin não é, a rigor, um negócio. É uma tecnologia social que permite fazer vários negócios, que não se pode saber quais são de antemão pois dependem do que os que aprenderam a usar o sistema queiram fazer. E os iniciadores (os que montaram e vão atualizar o sistema) não têm qualquer responsabilidade ou controle sobre isso. Os iniciadores são assim como cartógrafos que vendem seus mapas com instruções de viagem. As viagens serão feitas (ou não) pelos que resolverem usar os mapas e seguir (se quiserem) as instruções.
 
11 - Qual o trabalho dos iniciadores de NabucoFin e como eles são remunerados? | Esse trabalho é, unicamente, o de conceber o sistema, montá-lo e mantê-lo atualizado (está surgindo uma - ou mais de uma - nova fintech no mundo por semana: já vamos começar usando mais de vinte) e construir um ambiente virtual onde outras pessoas possam aprender como usar o sistema. As pessoas contribuem com um valor para ter acesso a esse ambiente (como se estivessem, por exemplo, pagando para fazer um curso).
 
12 - Mas para quem vai o pagamento do “curso” (ou melhor da inscrição no sistema)? | Vai sempre para uma pessoa (nem sempre a mesma obrigatoriamente) das que iniciaram o processo, posto que não há uma entidade coletiva formal para recebê-lo. E essa pessoa da vez combina com as outras pessoas da rede de iniciadores como vai remunerá-las (ou não, a decisão é delas), usando, inclusive, o próprio sistema financeiro alternativo, sobretudo a décima-segunda operação: como organizar um empreendimento em rede usando os instrumentos, as operações e a tecnologia de Nabuco Fin.
 
13 - É preciso entrar em uma rede ou aderir a um grupo para poder usar o NabucoFin? | Não. Nabuco Fin não está convidando ninguém para entrar em uma rede ou grupo já existentes. São as pessoas que quiserem usar o sistema que vão articular e animar suas próprias redes, não os iniciadores do sistema. Os iniciadores do sistema, por sua vez, também são uma rede como qualquer outra, que podem - se quiserem: os que quiserem - usar o sistema (como quaisquer outras pessoas).
 
14 - NabucoFin vai usar bitcoin (ou outra criptomoeda) e o blockchain | Sim, vai usá-los e vai usar também as moedas tradicionais (como o Real, o Dólar e o Euro) pois o sistema não depende delas. Na verdade, o desafio foi desenvolver uma espécie de blockchain social e torná-lo disponível, sem qualquer reserva de direitos, entregando-o ao domínio público. Quem quiser clonar ou forkear, fique à vontade, se puder.
 
15 - Sobre o Sistema Nabucodonosor e NabucoFin | NabucoFin não é uma instituição financeira, uma empresa, ONG ou associação. É uma rede de pessoas que articulam, através da inteligência de rede, meios alternativos ao controle hierárquico para realizar praticamente todas as operações financeiras. Nós não desenvolvemos a tecnologia física ou digital para criar novos instrumentos: aproveitamos todos (ou quase todos) instrumentos que já estão disponíveis. Mas desenvolvemos a tecnologia social (de rede) que permite que você possa usar os instrumentos financeiros alternativos para realizar as operações financeiras básicas apoiado em novos arranjos de pessoas que você conhece e nas quais confia. NabucoFin é apenas uma parte do Nabucodonosor que, além de finanças, pode desenvolver no futuro outros subsistemas dedicados à alimentação; saúde; educação; moradia; vestuário; transporte; viagens e hospedagens; comunidade e vizinhança; relacionamentos; entretenimento; comunicação; empreendimentos; política; filosofia, ciência e tecnologia; arte; e espiritualidade. Tudo em rede.
 
Para saber mais e, se tiver desejo, entrar em NabucoFin vá para http://nabucodonosor.com.br

Exibições: 454

Respostas a este tópico

Já assinei! :D

já pedi o meu.

não encontrei a informação de quanto tempo demora a entrega.

só espero isso para começar a usar na minha empresa (http://diarissima.com.br). 

os desbancarizados começam a se libertar.

RSS

© 2017   Criado por Augusto de Franco.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço