Escola de Redes

Informação

Ecoloucos

CONVIDO-OS a pensar em vossos próximos vinte anos. A idéia é criar aqui um grupo que esteja interessado em formar uma comunidade ecológica, isto é uma rede social preocupada pela sustentabilidade em todo sentido.

Local: Planeta terra
Membros: 64
Última atividade: 12 Abr, 2012

Eu Tenho Um Sonho...

Gente, tenho quase 50 anos, minha filha mas jovem tem 11. Estou planejando para dentro de 10 anos ir-me a viver a um espaço totalmente natural, numa ecologia absoluta, embebido na mãe terra, essa é minha fantasia.
Vivi no campo e sê o dificultoso que é não possuir os elementos mais elementares para a subsistência. Seria de velhos loucos repetir os erros que cometemos quando jovens.
O que proponho esta vez é resolver o problema por via de duas vertentes, uma tecnológica, um “open source” de tecnologia ecológica, e a outra via é a comunitária, não posso empreender este caminho só com minha esposa, devemos resolver cada um dos problemas que se nos apresentem comunitariamente.
É por isso que precisamos de vocês, os que pensem parecido, e que nos ponhamos a planificar essas fantasias.

A idéia é criar aqui um grupo que esteja interessado em formar uma comunidade ecológica, isto é uma rede social preocupada pela sustentabilidade em todo sentido. Onde o lucro, a acumulação, o capital, estejam ausentes e onde as únicas hierarquias que se imponham sejam as da mãe natureza.
CONVIDO-OS a pensar em vossos próximos vinte anos.
-------------------------------------

En español
Gente, tengo casi 50 años, mi hija mas joven tiene 11. Estoy planeando para dentro de 10 años irme a vivir a un espacio totalmente natural, en una ecología absoluta, embebido en la madre tierra, esa es mi fantasía.
He vivido en el campo y sé lo dificultoso que es no poseer los elementos más elementales para la subsistencia. Sería de viejos locos repetir los errores que cometimos cuando jóvenes.
Lo que propongo esta vez es resolver el problema por vía de dos vertientes, una tecnológica, un open source de tecnología ecológica, y la otra vía es la comunitaria, no puedo emprender este camino solo con mi esposa, debemos resolver cada uno de los problemas que se nos presenten comunitariamente.
Es por eso que necesitamos de vosotros, los que piensen parecido, y que nos pongamos a planificar esas fantasías.

La idea es crear aquí un grupo que esté interesado en formar una comunidad ecológica, esto es una red social preocupada por la sostenibilidad en todo sentido. Donde el lucro, la acumulación, el capital, estén ausentes y donde las únicas jerarquías que se impongan sean las de la madre naturaleza.
Los invito a pensar en vuestros próximos veinte años.

UMA PROVOCAÇÃO: George Carlin Save de Planet

Caixa de Recados

Comentar

Você precisa ser um membro de Ecoloucos para adicionar comentários!

Comentário de Vera Maria dos Santos Moreira em 6 fevereiro 2010 às 10:01
Muito legal Angela! Com Fernando Pessoa melhor ainda.
abc
Vera
Comentário de Angela Regina Pilon Vivarelli em 6 fevereiro 2010 às 9:37
Disse Fernando Pessoa:
" DEUS QUER, O HOMEM SONHA E A OBRA NASCE"

Somos seres em processo contínuo de desenvolvimento, em cada ponto de nossas vidas ainda não somos o que poderíamos ser.

Pensando, exploramos a realidade interna e externa para atuar de acordo com a nossa percepção da verdade. Assim, vão surgindo as conseqüências futuras das nossas ações presentes ...

A busca do que é verdadeiramente "humano" em nós, é imprescindível. A realidade tornou-se assustadora quando tomamos consciência que nossas relações atuais estão fundadas em premissas “canibais” de uso, poder e submissão do outro.

Percebo como muito relevante pensarmos neste momento em novas formas de construção, tanto de nós mesmos quanto da casa, da moradia, deste símbolo fundamental para a edificação do homem e da sociedade. Temos consciência que mudanças exteriores sempre correspondem a mudanças interiores e de que a ordem que nos rege é a mesma que rege o Cosmos!
A escolha por uma vida sustentável é coerente com a dinâmica da vida, enquanto que o caminho rumo a insustentabilidade tem mostrado as suas conseqüências negativas.
Penso que compartilhar sonhos é uma maneira de realizá-lo e já há algum tempo venho seguindo a trajetória de um sonho: Gaia Terranova:
" target="_blank">
" target="_blank"> Posso dizer que aprendi muito vendo de perto a prática de uma idéia... Ao buscar construir de forma que sejam incorporadas as necessidades pessoais, sociais e ecológicas, é preciso fazer reflexões que abram espaço para novas formas de estar no mundo e essas reflexões acabam se aprofundando em visões multidisciplinares .
A empresa, que hoje caminha incubada pelo CEGEIT e faz parte do programa PRIME da FINEP, está criando um banco de dados para construção de futuras parcerias. Se você mora em Itajubá ou adjacências mande seus dados para: eduardo@gaiaterranova.com.br e evandro@gaiaterranova.com.br com a indicação "Banco de Dados ".
Comentário de Angela Regina Pilon Vivarelli em 19 janeiro 2010 às 6:24
Só grandes sonhos geram a energia necessária para por em prática uma nova forma de ver o mundo.
Vejo em muitos corações o pulsar do sonho de que um dia, rios, bichos, florestas, ar, terra e gente sejam novamente partes igualmente essenciais de uma mesma e respeitosa coexistência!

Comentário de Edite Faganello Querer em 13 janeiro 2010 às 23:03
Olá, Carlos.
Me agrada por demais sua Ecoloucura!!
Diz um amigo meu "A obrigadaçao dos loucos é criar". Quero me juntar aos loucos e criar mundos novos.
Abraços de mais uma Ecolouca que se considera mestre-aprendiz da vida.
Edite Faganello Querer
Comentário de Vera Maria dos Santos Moreira em 7 janeiro 2010 às 18:11
Cláudio isso é muito interessante. Estudos de Konrad Lorenz (ganhou um Nobel não sei quando) sobre comportamento animal mostraram que alguns comportamentos aprendidos foram transmitidos geneticamente. Eu fiquei muito surpresa quando li isso e deixei na prateleira das dúvidas. Depois vieram os memes. Agora , lembro de um artigo num post aqui na ER de Susan Blackmore, EVOLUTION'S THIRD REPLICATOR:
GENES, MEMES, AND NOW WHAT? Vai ver que é essa a pergunta, And now what???? Será que o third replicator é a fé ? Mando o artigo em anexoEVOLUTIO1.pdf
Bjk
Vera
Comentário de Claudio Estevam Próspero em 7 janeiro 2010 às 17:12
A biologia da crença - Epigenética – estudo dos mecanismos moleculares por meio dos quais o meio ambiente controla a atividade genética

A biologia da crença / Bruce H. Lipton

http://www.amigosdolivro.com.br/lermais_materias.php?cd_materias=5032


Best-seller nos Estados Unidos, A biologia da crença – lançamento da Butterfly Editora –, de Bruce Lipton, renomado cientista norte-americano, em linguagem simples e direta, ao alcance de todos, traz surpreendentes descobertas científicas que comprovam o poder do pensamento sobre a matéria e esclarecem a reencarnação.

Seus estudos foram precursores da epigenética – estudo dos mecanismos moleculares por meio dos quais o meio ambiente controla a atividade genética.

Sua vasta pesquisa comprova que o DNA é controlado pela energia que emana dos pensamentos, o que simplesmente significa que nossas projeções mentais influenciam diretamente em nossa saúde.

Comprovação científica

Finalmente, o poder do pensamento é evidenciado à luz da ciência: trata-se de um salto quântico, o qual deu origem àquela que está sendo denominada a “nova biologia”. Desde que o The Wall Street Science Journal, no primeiro semestre de 2004, anunciou A biologia da crença, cientistas, pesquisadores, médicos e biologistas do mundo inteiro foram “sacudidos” pelas conclusões de Lipton.

Um deles foi Gregg Braden, autor de The God code [O código de Deus] e The Isaiah effect [O efeito Isaías]: “O doutor Bruce Lipton nos oferece o tão procurado elo perdido entre a vida e a consciência. Responde a velhas questões e esclarece os mistérios mais profundos de nosso passado. Não tenho a menor dúvida de que este livro acabará se tornando uma base para a ciência do novo milênio”.

Lipton recorda suas primeiras conclusões que o levaram a adiantar as pesquisas que desenvolveu: “Se direcionarmos melhor o que estamos pensando, poderemos mudar o estado do nosso corpo”.

No seu livro, o cientista simplesmente expõe suas conclusões e destaca o benefício que delas é possível extrair. Professor universitário de grandes recursos recorre a exemplos e ilustrações que facilitam o entendimento do que poderia, à primeira vista, parecer complexo. Prova de sua capacidade de exposição é o fato de que milhares de pessoas mudaram seu modo de pensar depois de ler A biologia da crença.

A razão disso é muito simples: o conceito de que a força do pensamento pode mudar nossa vida – muito explorado nos livros de auto-ajuda, a maioria deles atrelada à filosofia, à religião ou à psicologia – finalmente ganhou comprovação científica pelas mãos de Bruce Lipton!
Lançamento da Butterfly Editora, A biologia da crença é um livro revolucionário que aproxima a ciência da filosofia e da religião, leitura agradável e produtiva que certamente vai mudar a vida de seus leitores.

SERVIÇO:

A biologia da crença
Bruce H. Lipton
Formato: 16x23 cm – 256 páginas
Capa em 4 cores sobre cartão supremo 250 g,
laminação fosca com verniz de reserva com orelha
Miolo impresso em 1 cor em papel off-set 75 g
Acabamento em lombada quadrada e costurada.
Preço de capa: R$ 29,90

Butterfly Editora
Rua Atuaí, 383 – sala 5 – Vila Esperança
03646-000 – São Paulo - SP
Tel./Fax: (11) 6684-9392

Contato: Afonso Moreira Jr.

flyed@flyed.com.br
www.flyed.com.br


A biologia da crença

por Wilson Francisco - wilson153@gmail.com
http://somostodosum.ig.com.br/clube/artigos.asp?id=10363

O vírus que causa a AIDS é uma “entidade”, isso mesmo: uma entidade. Um cientista afirmou isto porque após incansáveis pesquisas teve a certeza de que este vírus sabia o que queria fazer e que caminho tomar para realizar a sua “missão”, digamos de passagem, uma cruel missão.

Numa reportagem recente na TV Vida, um cardiologista explicando o processo da célula tronco, dizia que ela é tirada da medula e injetada numa artéria, onde já existe uma lesão. Adverte ele, no entanto, que se houver necrose (célula morta), esta não pode ser refeita, o que está morto está morto, ponto final. Mas nas áreas próximas afetadas, a célula-tronco vai regenerar tudo o que está apenas lesionado, o que permitirá ao doente uma recuperação muito expressiva.

E aí o repórter indagou: como a célula-tronco sabe que naquele lugar ela deve recompor uma artéria ao invés de criar uma cartilagem. O médico respondeu: é um mistério da natureza.

Tanto o cientista que falou sobre a “entidade” vírus HIV como o cardiologista que descreve o processo misterioso realizado pela célula-tronco estavam no limiar de descobrir a espiritualidade.

A verdade é que tanto o vírus do HIV como a célula-tronco e todas as outras células têm o seu “lado” energético/espiritual e está contido no universo de cada ser, por mais simples que seja, uma matriz (corpo energético), um mapa que serve como referência para que cada célula possa realizar a sua “missão”. De maneira inconsciente, claro, mas nem por isso deixam de ser o que são: seres inteligentes do Universo.

Afinal, o ser humano, isto é, eu e você que me lê, somos Espíritos conscientes e nem por isso temos perfeita noção desse nosso mapa orientador que está em nossa intimidade e sobre o qual repousa nossa história e podem estar inseridos projetos e sonhos futuros, se os tivermos em nossas intenções atuais.

Essa conclusão que dá ao vírus este “status” de um agente sobrenatural corrobora o que pesquisadores, como Bruce Lipton, cientista norte-americano pioneiro da nova biologia, comprovou em suas experimentações.

Sua pesquisa vai mais longe comprovando que o DNA é controlado pela energia que emana dos pensamentos, o que significa que nossas projeções mentais influenciam diretamente em nossa saúde...
Ou seja, uma simples idéia que você irradia, uma conversa que você desenvolve com uma amiga, em sua sala de estar, pode estar realizando processos mutacionais no ambiente de sua casa ou no seu corpo, no corpo da amiga ou de uma outra criatura que esteja em sintonia com você.

Você é uma entidade, um ser sobrenatural, com poder divino, mutacional, que pode alterar um quadro genético, desenvolver em si ou em outro a possibilidade de caminhos e decisões diferentes.
E essa possibilidade está em você, na sua amiga e também em todos os seres da criação.

Plantas, animais, vírus, bactérias todos são entidades que foram criados por Deus para o desenvolvimento da vida no Planeta Azul, a Terra. E para cada um o Universo tem um plano, uma direção. O vírus da AIDS sabe qual a sua missão.

Você sabe qual a sua?

Sim, é difícil e a ciência se debate intensamente procurando a ponte que interliga mente e corpo. O esclarecimento disso pode ser o caminho das pedras, para a ciência. E para você a questão fundamental é conhecer que caminho deve percorrer, que instrumentos utilizar para acessar essa importante informação.

Gregg Braden, afirma: “O doutor Bruce Lipton, autor do livro A Biologia da Crença nos oferece o tão procurado elo perdido entre a vida e a consciência”. E esse foi sempre o grande drama da ciência, encontrar a sintonia matéria e espírito.

Lipton recorda as conclusões das pesquisas que desenvolveu: “Se direcionarmos melhor o que estamos pensando, poderemos mudar o estado do nosso corpo”.

No seu livro A Biologia da Crença, Editora Petit, o cientista expõe suas conclusões e destaca o benefício que delas é possível extrair. É um livro revolucionário que aproxima a ciência da filosofia e da religião. É interessante e pode ser lido por qualquer pessoa.

No início, explica o que são as células, como se comportam e o que elas podem nos ensinar.

No segundo capítulo, descreve as evidências científicas do poder da mente, detalhando a estrutura das doenças, inclusive o câncer e a esquizofrenia.

No terceiro capítulo, explica onde se encontra o “cérebro” da célula, que é a membrana que as reveste.

As descobertas da física quântica e a sua importância para o tratamento das doenças são o tema do quarto capítulo.

No quinto, revela a força do pensamento positivo e negativo sobre o nosso bem-estar e em que medida o “subconsciente” pode sabotar ou dinamizar nossos objetivos.

No sexto capítulo, trata do crescimento e da saúde das células e quanto nossos receios podem prejudicá-las.

O último capítulo descreve o que o cientista denominou “paternidade consciente”, ou seja, o quanto está ao nosso alcance influenciar as crenças de nossos filhos.

No epílogo do seu livro, Lipton diz: “Posso afirmar categoricamente que a ciência me levou à espiritualidade, pois as descobertas da física e do mundo das células mostram cada vez mais a existência de um elo entre a ciência e espiritualidade, duas áreas completamente distintas desde a época de Descartes, há alguns séculos”.

Eu tenho escrito sempre aqui a respeito do poder da mente, do quanto seu pensamento influencia seu organismo e acredito que o ser humano está pronto para usar sua mente consciente para desenvolver os talentos do coração, ter coragem de “entrar” nesse universo desconhecido que é sua alma.

Estes são os caminhos que você pode percorrer para o encontro de si mesma. Saia da janela de onde você apenas consegue observar as criaturas que passam pela estrada. Abra as portas de sua alma, venha para fora, sinta o Sol que se irradia, ouça o cântico da passarada, que voeja alegremente pelas cercanias de sua moradia e fique fora de suas trincheiras, enfrente a borrasca, os murmúrios da noite, porque você poderá ter a ventura de sentir o luar e sua poesia. Ande pelo desconhecido, descubra universos diferentes e saiba: sua mente e coração podem transformar seu corpo.

É isso que Bruce Lipton no ensina em seu livro A Biologia da Crença e essa pode ser uma grande e rara oportunidade de você conhecer pesquisas atualizadas da ciência, sem ser cientista e nem ter nível universitário. Essas informações, repito, podem mudar sua vida.

Texto revisado por: Cris


por Wilson Francisco - wilson153@gmail.com
Terapeuta Holístico, escritor e médium espírita. Desenvolve o Projeto Mutação, um processo em que faz a leitura da alma da criatura e investigação do seu Universo, para facilitar projetos, sonhos e decisões, descobrindo bloqueios, deformidades e medos que são reprogramados energeticamente.
Lido 4150 vezes, 145 votos positivos e 1 votos negativos.
E-mail: wilson153@gmail.com

Veja a palestra, Power Point, assistida em evento Cultural da Seara Bendita, proferida pelo Dr. Fabio Gabas.

Fonte: http://www.searabendita.org.br/_Cultural/_Palestras/_Conteudo/Texto...
Comentário de Claudio Estevam Próspero em 7 janeiro 2010 às 17:05
AVATAR, filme 3D - Hollywood converte-se à Hipótese Gaia ?

Para quem desejar conhecer os conceitos básicos do conflito, tão bem dramatizado no filme AVATAR, entre duas Visões de Mundo:

uma mecanicista / industrial

outra orgânica / biotecnológica (genética) - nanotecnológica

Recomendo as seguintes leituras:


ALFABETIZAÇAO ECOLOGICA (em Portugues) (2007)
CAPRA, FRITJOF / VARIOS AUTORES
CULTRIX
CIENCIAS BIOLOGICAS-ECOLOGIA

Segundo os pensadores e educadores que escreveram este livro, reorientar o modo como os seres humanos vivem e educar as crianças para que atinjam seus potenciais mais elevados são tarefas com aspectos bem semelhantes. Ambas têm de ser vistas e abordadas no contexto dos sistemas - familiar, geográfico ecológico e político. Nosso empenho para criar comunidades sustentáveis será em vão caso as futuras gerações não aprendam a estabelecer uma parceria com os sistemas naturais, em benefício de ambas as partes. Em outras palavras, elas terão que ser 'ecologicamente alfabetizadas'. O conceito de 'alfabetização ecológica', inspirado nas teorias de Fritjof Capra e de outros líderes do Centro de Eco-Alfabetização, localizado em Berkeley, na Califórnia, vai além de educação ambiental como disciplina escolar. Os artigos e ensaios reunidos nesse livro - publicação em língua portuguesa do Centro de Eco-Alfabetização - revelam o trabalho que está sendo realizado pela vasta rede de parcerias desse Centro. Numa escola de nível médio, por exemplo, Alice Waters criou um programa que não apenas oferece aos estudantes alimentos saudáveis, mas também os ensina a cultivar uma horta - e nela estudar os ciclos da vida e os fluxos de energia - como parte do currículo. Entre os projetos estudantis apoiados pelo Centro de Eco-Alfabetização e descritos nesse livro, estão a recuperação e exploração de baias hidrográficas, parcerias entre fazendas e escolas, e programas de educação ecológica voltados para a justiça ambiental. 'Alfabetização ecológica' reúne teoria e prática com base no que existe de mais avançado em termos de pensamento sistêmico, ecologia e educação.

PERTENCENDO AO UNIVERSO (em Portugues) (2003)
CAPRA, FRITJOF
CULTRIX
CIENCIAS/FILOSOFIA E HISTORIA


Nesta obra, Capra e David SteindlRast, monge beneditino comparado por muitos a Thomas Merton, investigam os paralelismos entre o pensamento do 'novo paradigma' na ciência e na religião, que, juntas, oferecem uma visão notavelmente compatível do universo - um modelo holístico e profundo baseado numa percepção da complexa natureza da verdade e do mito da objetividade. Estes diálogos cheios de vigor e de vida projetam novas luzes sobre as surpreendentes e inéditas conexões entre a ciência e a experiência de Deus. Como peritos reconhecidos em seus campos - Capra em física teórica e em teoria sistêmica, e Steindl-Rast em espiritualidade contemporânea e em ecumenismo ambos se deslocaram para alem de suas especializações, em direção a uma criativa busca de significados, num nível ao mesmo tempo interdisciplinar e de cruzamento cultural. O resultado é este livro admirável no qual eles descobrem uma compatibilidade profunda nas fronteiras do pensamento científico e da experiência religiosa, onde as descobertas da ciência e a sabedoria da espiritualidade produzem introvisões paralelas a respeito da natureza ultima da realidade.

CONEXOES OCULTAS, AS (em Portugues) (2002)
CAPRA, FRITJOF
CULTRIX
CIENCIAS/FILOSOFIA E HISTORIA


As últimas descobertas científicas mostram que todas as formas de vida - desde as células mais primitivas até as sociedades humanas, suas empresas e Estados nacionais, até mesmo sua economia global - organizam-se segundo o mesmo padrão e os mesmos princípios básicos - o padrão em rede. Neste livro, Fritjof Capra desenvolveu uma compreensão sistêmica e unificada que integra as dimensões biológica, cognitiva e social da vida e demonstra que a vida, em todos os seus níveis, é interligada por redes complexas.

TEIA DA VIDA, A (em Portugues) (1997)
CAPRA, FRITJOF
CULTRIX
CIENCIAS/FILOSOFIA E HISTORIA


Neste livro Capra propicia uma síntese de descobertas científicas recentes como a teoria da compelxidade, a teoria Gaia, a teoria do caos e outras explicações das propriedades de organismos, sistemas sociais e ecossistemas. As descobertas surpreendentes de Capra confrontam os paradigmas mecanicistas e darwinistas aceitos e proporcionam uma extraordinária nova base para políticas ecológicas que nos permitam construir e sustentar comunidades sem colocar em risco as oportunidades para futuras gerações. Baseado em dez anos de pesquisas e discussões com cientistas de vanguarda em todo o mundo, 'A teia da vida' apresenta novas e estimulantes perspectivas sobre a natureza da vida e abre caminho para a autêntica interdisciplinaridade.

Comentários adicionais sobre os tópicos acima podem ser encontrados em:

Ciência da Complexidade: o reencontro das Ciências Exatas com as Naturais
http://escoladeredes.ning.com/group/ecoloucos/forum/topics/ciencia-...


[Inovação necessária] Tribalismo étnico => Civilização de conquista => ?
http://escoladeredes.ning.com/group/ecoloucos/forum/topics/inovacao...


Humanidade - Vírus(1) ou Cérebro de Gaia (2) ?

Todos os Fóruns >> [Fóruns temáticos] >> Gestão do Conhecimento >> Humanidade - Vírus(1) ou Cérebro de Gaia (2) ?

http://www.portalsbgc.org.br/sbgc/foruns/tm.asp?m=4761&forumid=30
Comentário de Claudio Estevam Próspero em 2 dezembro 2009 às 19:05
Efeitos do aquecimento global na agricultura brasileira serão dramáticos

O Ceará pode perder 80% da área fértil. Já Piauí e Pernambuco podem perder entre 60% e 70% da agricultura.

Veja a reportagem em:
http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,16020,00.html

========================================================================

/ ciência e saúde / aquecimento global

O Portal de Notícias da Globo
25/11/09 - 07h38 - Atualizado em 25/11/09 - 07h38
http://g1.globo.com/Noticias/Ciencia/0,,MUL1391215-5603,00-MUDANCAS...

Mudanças climáticas podem causar perdas de R$ 3,6 trilhões ao país
Prejuízo equivale a perda de um ano de crescimento do PIB.


Estudo é inédito no Brasil e aponta o cenário para 2050.
Emilio Sant'Anna Do G1, em São Paulo

Os prejuízos causados ao Brasil pelas mudanças climáticas podem chegar a R$ 3,6 trilhões nos próximos quarenta anos. Isso seria o equivalente a jogar fora um ano inteiro de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), caso a tendência de aquecimento global não se reverta nesse período. As regiões mais vulneráveis seriam a Amazônia e o Nordeste, acentuando ainda mais as desigualdades regionais no país.

Queimada em Humaitá (AM), em agosto de 2009, às margens da rodovia Porto-Velho Manaus. (Foto: Iberê Thenório/Globo Amazônia)

saiba mais

Mais de 60 líderes confirmam presença em Copenhague

"Nossa credibilidade está em jogo em Copenhague", diz chanceler italiano

ONU e Dinamarca reduzem expectativas sobre cúpula de Copenhague

Projetos para reduzir emissão por desmatamento são incipientes, diz MMA



O alerta é do relatório Economia das Mudanças do Clima no Brasil (EMCB) realizado por uma equipe multidisciplinar composta por cientistas das principais instituições de pesquisa do país (USP, INPE, UFRJ, UFMG, IPEA, CNPq, BNDES, entre outras).

O documento é inédito e traça os possíveis cenários de impactos econômicos baseados no relatório do Painel Intergovernamental de Mudança do Clima (IPCC, na sigla em inglês). Às vesperas da Conferência da ONU sobre Mudanças Climáticas, em Copenhague, os resultados chamam a atenção.

O ponto de partida foram modelos computacionais que forneceram projeções sobre o comportamento futuro do clima no território nacional, como temperatura, precipitação e fluxo hidrológico. “O valor em si (R$3,6 trilhões) é chocante e mostra que o problema não é nada desprezível”, afirma o coordenador do estudo, Sérgio Margules, doutor em Economia do Meio Ambiente pela Universidade de Londres e economista ambiental do Banco Mundial.

·
Sabemos que as populações mais pobres são as mais afetadas dentro desse quadro"

Dos efeitos econômicos da savanização da floresta amazônica ao impacto da redução de oferta hídrica no sistema de geração de energia elétrica, o estudo aponta para um cenário em que as perdas causadas pelas alterações no clima irão puxar novos gastos do governo federal para tentar controlar a situação.

“Outro aspecto importante é a injustiça social que isso pode causar. O Sul e o Sudeste são menos atingidos enquanto o Norte, Nordeste e o Centro-Oeste são mais fortemente atingidos e sabemos que as populações mais pobres são as mais afetadas dentro desse quadro”, explica Margules.

Savanização
Na Amazônia, de acordo com o relatório do IPCC, o aquecimento pode chegar a 8°C em 2100. Estima-se que as mudanças climáticas resultariam em redução de 40% da cobertura florestal – a chamada savanização. Margules aponta uma das soluções que o relatório traz, investimentos no comércio de crédito de carbono.

“Seria relativamente barato reverter o desmatamento se de alguma forma fosse compensada com o pagamento pelo carbono”, diz. “Se a comunidade global estiver disposta a pagar US$ 3 a tonelada de carbono, os produtores prefeririam receber essa quantia a expandir a pecuária na região”, explica o economista.

No entanto, ele ressalta que o estudo não aponta formas de implementar a política de compra de crédito de carbono. “O estudo não diz como isso seria feito, apenas fizemos a conta e mostramos que isso seria mais barato”, diz.

Queimada na floresta amazônica no Pará (Foto: AFP PHOTO/Jefferson Ruddy/MMA )

No Nordeste, as chuvas seguiriam uma tendência de diminuir entre 2 mm/dia e 2,5 mm/dia até 2100. Os resultados seriam perdas agrícolas em todos os estados da região. O déficit hídrico reduziria em 25% a capacidade de criação de gado de corte, levando a um retrocesso à pecuária de baixo rendimento.

·
Se a comunidade global estiver disposta a pagar US$ 3 a tonelada de carbono, os produtores prefeririam receber essa quantia a expandir a pecuária na região"

O declínio de precipitação afetaria a vazão de rios em bacias da região, importantes para geração de energia, como a do Parnaíba e a do Atlântico Leste, com redução de vazões de até 90% entre 2070 e 2100. De acordo com o relatório, isso causaria a “perda de confiabilidade do sistema de geração de energia.”

“Caso se confirme esse quadro, o Nordeste realmente vai ter uma redução significativa da disponibilidade hídrica e a geração de energia que vem daquela região vai ficar comprometida”, afirma Margules.

Elevação dos mares
O estudo aponta também para os prejuízos causados pelas alterações climáticas nas zonas costeiras e na agricultura. A estimativa dos valores materiais em risco ao longo da costabrasileira é de R$ 136 bilhões a R$ 207,5 bilhões. O investimento em estudos e obras necessárias para prever e conter a elevação dos níveis do mar somariam R$ 3,72 bilhões até 2050.

Na agricultura, com exceção da cana-de-açúcar, todas as culturas sofreriam redução das áreas de produção, em especial a soja (até 34%), milho (15%) e café (18%).

A produtividade cairia também nas culturas de subsistência no Nordeste

“As estimativas são assustadores, principalmente se considerarmos que 2050 ainda não é um horizonte de mudanças climáticas tão grave quanto 2100”, diz a também coordenadora do estudo, Carolina Burle Schmidt Dubeux, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Neste cenário, os dois pesquisadores consideram positiva a atitude do governo brasileiro de levar para Copenhague um compromisso de reduzir em até 38,5% as emissões de gáses causadores do efeito estufa. "É uma medida positiva que mostra o comprometimento do Brasil", diz Carolina.

Além de calcular os prejuízos, o estudo mostra também os caminhos para diminuir o impacto das mudanças climáticas no Brasil.

De investimentos em pesquisas de modificações genéticas para a agricultura, fontes de energia renováveis aos biocombustíveis, a boa notícia é que apostar no desenvolvimento limpo é mais barato para o país. “O aquecimento global não é uma questão ambiental é de desenvolvimento”, diz Margules.
Comentário de Claudio Estevam Próspero em 2 dezembro 2009 às 18:59
Especiais CBN - Como as mudanças climáticas nos afetam no dia a dia?

Recomendo ouvir para atender como nos afeta no dia a dia:

http://cbn.globoradio.globo.com/grandescoberturas/CONFERENCIA-DA-ON...

Conferência da ONU sobre mudanças climáticas


02 de Dezembro de 2009
As doenças causadas pelas mudanças climáticas
Este áudio no seu site

01 de Dezembro de 2009
O aquecimento global e as consequências nas cidades brasileiras
Este áudio no seu site

30 de Novembro de 2009
Dinamarca propõe redução de 50% em emissões até 2050
Este áudio no seu site

30 de Novembro de 2009
União Europeia pede que a China assuma liderança no combate ao aquecimento global
Este áudio no seu site

30 de Novembro de 2009
Nos últimos cem anos, temperatura média da Terra aumentou 0,7 graus Celsius
Este áudio no seu site
Comentário de Claudio Estevam Próspero em 8 outubro 2009 às 17:44
SP “exporta” lixo / NE: tesouro eólico / Amazônia: pecuaristas no banco dos réus

Cidade de São Paulo “exporta” lixo – CBN – 07/10/2009

Todos os Fóruns >> [Agenda Brasil do Conhecimento] >> Desenvolvimento Urbano e Regional >> Cidade de São Paulo “exporta” lixo – CBN – 07/10/2009
http://www.portalsbgc.org.br/sbgc/foruns/tm.asp?m=6206&forumid=&mpage=1&key=ᠾ


[ECO] Estados que vivem de vento - bilhões de reais p/ desenvolver a economia do Nordeste

Todos os Fóruns >> [Agenda Brasil do Conhecimento] >> Energia >> [ECO] Estados que vivem de vento - bilhões de reais p/ desenvolver a economia do Nordeste
http://www.portalsbgc.org.br/sbgc/foruns/tm.asp?m=6205&forumid=122



Floresta amazônica: os pecuaristas no banco dos réus

Todos os Fóruns >> [Agenda Brasil do Conhecimento] >> Agronegócios >> Floresta amazônica: os pecuaristas no banco dos réus
http://www.portalsbgc.org.br/sbgc/foruns/tm.asp?m=6204&forumid=119

Abraços.
Claudio
 

Membros (62)

 
 
 

© 2018   Criado por Augusto de Franco.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço