Escola de Redes

Tive a ideia de colocar aqui trechos ou trailers de filmes que tem a ver com desistência (no seu amplo aspecto). Lembrou de algum? Põe aqui! Comente! Ou simplesmente assista. Ou não. :)

Exibições: 1637

Respostas a este tópico

O primeiro que me vem à cabeça, claro, é Into the wild.

Mas há nuances, não há a necessidade de desistir sempre tão radicalmente. As vezes é um simples "não, obrigado", como no Diabo veste Prada.

E tem também os trechos, como este do Mogli, que cantarolei pra minha filha até ela cansar:


("aldeia de homens? vão estragá-lo!" - diz baloo)


A Festa de Babette é por excelência o retrato da desistência: desistir de uma pequena fortuna para preparar um banquete, desistir da sisudez da religião ... e abraçar a vida!

um pequeno trecho do filme. e ao final a frase:
"seus caminhos são amplos. nenhum rio é como um arroio"
Tem também a cena onde Fiona opta por continuar sendo o que era, e não uma princesa-padrão!

Marcelo, assisti muitas vezes o filme Na Natureza Selvagem (título em português) do Sean Penn. Fora o Alexander Supertramp desistir da sociedade e da família e depois morrer envenenado e desnutrido no Alaska o que vi mesmo é uma tentativa radical dele viver na natureza selvagem.
É o filme mais radical de todos, claro. Por isso comecei com ele. Mas existem outras desistências sutis na vida...
Marcelo, o Alexander Supertramp lia muito o grande filósofo americano da desistência e da desobediência Henry David Thoreau.
Sim! E Jack London também. Aqui tem uma ampla escrita sobre o Christopher vulgo Alexander Supertramp.

Mas a frase que me impressiona (e, digamos que contradiz o que ele fez no alaska) é:
"Happiness only real when shared."
Acho que não é uma contradição mas uma conclusão a que ele chegou depois de ficar buscando a felicidade solitária na natureza selvagem do Alaska.

RSS

© 2019   Criado por Augusto de Franco.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço