Escola de Redes

Informação

BIBLIOTECA IVAN ILLICH

Grupo para reunir, comentar e estudar a obra de Ivan Illich

Membros: 47
Última atividade: 2 Maio

REUNINDO A OBRA DE IVAN ILLICH


PARA ACESSAR TODOS OS LIVROS DA BIBLIOTECA CLIQUE AQUI

A BIBLI.E=R já dispõe a versão digital dos seguintes títulos de Ivan Illich

PARA BAIXAR DE UMA VEZ BOA PARTE DOS TEXTOS LISTADOS ABAIXO CLIQUE NA BIBLIOTECA IVAN ILLICH REORGANIZADA

ILLICH, Ivan (1070): La sociedad desescolarizada

ILLICH, Ivan (1968): Cuernavaca speech to U.S. students

ILLICH, Ivan (1970): Deschooling Society

ILLICH, Ivan (1970): The Church, Change and Development

ILLICH, Ivan (1970): La sociedad desescolarizada

ILLICH, Ivan (1970): Sociedade sem escolas

ILLICH, Ivan (1971):  A Consitution for Cultural Revolution (from Celebration of Awareness)

ILLICH, Ivan (1971):  Celebration of Awareness (intro, Erich Fromm)

ILLICH, Ivan (1973):  Energy and Equity

ILLICH, Ivan (1973):  Tools for Conviviality

ILLICH, Ivan (1975): Nemesis da medicina: a expropriação da saúde

ILLICH, Ivan (1976):  Medical Nemesis

ILLICH, Ivan (1978): O direito ao desemprego criador: a decadência da idade profissional

ILLICH, Ivan (1980):  Vernacular Values (Shadow Work)

ILLICH, Ivan (1983):  Silence is a Commons

ILLICH, Ivan (1987):  Hospitality and Pain

ILLICH, Ivan (1988):  The Educational enterprise in the Light of the Gospel

ILLICH, Ivan (1989):  ASCESIS. Introduction, etymology and bibliography

ILLICH, Ivan (1989):  Letter to David Ramage 

ILLICH, Ivan (1989):  Posthumous Longevity

ILLICH, Ivan (1989):  The Shadow that the Future Throws 

ILLICH, Ivan (1990):  Declaration on Soil 

ILLICH, Ivan (1990):  HEALTH AS ONE'S OWN RESPONSIBILITY - NO, THANK YOU! 

ILLICH, Ivan (1990):  Needs 

ILLICH, Ivan (1990):  The Sad Loss of Gender

ILLICH, Ivan (1991):  Text and University - on the idea and history of a unique institution

ILLICH, Ivan (1992):  AUTOSTOP, Ivan Illich and Jean Robert

ILLICH, Ivan (1993):  In the Vineyard of the Text Gabbard-Sensual_Literacy

ILLICH, Ivan (1993):  To Honor Jaques Ellul 

ILLICH, Ivan (1994):  BRAVE NEW BIOCRACY: HEALTH CARE FROM WOMB TO TOMB

ILLICH, Ivan (1995):  Death undefeated - From medicine to medicalisation to systematisation

ILLICH, Ivan (1996):  Philosophy... Artifacts... Friendship 

ILLICH, Ivan (1996):  Speed? What Speed? 

ILLICH, Ivan (1996):  THE WISDOM OF LEOPOLD KOHR

ILLICH, Ivan (1996):  We the People, KPFA - Ivan Illich with Jerry Brown

ILLICH, Ivan (1997):  Ivan Illich in conversation with Majid Rahnema

ILLICH, Ivan (1998):  The Cultivation of Conspiracy 

ILLICH, Ivan (1998):  THE SCOPIC PAST AND THE ETHICS OF THE GAZE 

ILLICH, Ivan (1999):  The Conditional Human (.pdf)

ILLICH, Ivan (2000):  "The Oakland Table" Conversations Between Ivan Illich and Friends (.pfd)

ILLICH, Ivan (2000):  The Loudspeaker on the Tower (.pdf)

ILLICH, Ivan (2001):  Guarding the Eye in the Age of Show (.pdf)

ILLICH, Ivan (s/d): Antologia


É necessário agora levantar, procurar a versão digital e pendurar aqui os demais.

Mais 42 de Ivan Illich (falta baixar, subir e colocar no formato canônico da BIBLI.E=R):
1968 Cuernavaca speech to U.S. students
1970 The Church, Change and Development
1970 Deschooling Society, (PDF version)
1971 Celebration of Awareness (intro, Erich Fromm)
1971 A Consitution for Cultural Revolution (from Celebration of Awareness)
1973 Energy and Equity
1973 Tools for Conviviality
1976 Medical Nemesis
1978 Disabling Professions
1987 Toward a History of Needs (excerpt)
1980 Vernacular Values (Shadow Work)
1981 Shadow Work
1982 Gender (book review)
1983 Silence is a Commons
1985 H2O and the Waters of Forgetfulness
1987 Hospitality and Pain (.pdf)
1988 ABC: The Alphabetization of the Popular Mind
1988 The Educational enterprise in the Light of the Gospel
1989 Posthumous Longevity (.pdf)
1989 ASCESIS. Introduction, etymology and bibliography (.pdf)
1989 Letter to David Ramage (.pdf)
1989 The Shadow that the Future Throws (.pdf)
1990 Declaration on Soil (.pdf)
1990 HEALTH AS ONE'S OWN RESPONSIBILITY - NO, THANK YOU! (.pdf)
1990 The Sad Loss of Gender
1990 Needs (.pdf)
1991 Text and University - on the idea and history of a unique institution (.pdf)
1992 AUTOSTOP, Ivan Illich and Jean Robert (.pdf)
1992 In the Mirror of the Past
1993 To Honor Jaques Ellul (.pfd)
1993 In the Vineyard of the Text (Gabbard-Sensual_Literacy.pdf)
1994 BRAVE NEW BIOCRACY: HEALTH CARE FROM WOMB TO TOMB
1995 Death undefeated - From medicine to medicalisation to systematisation
1996 We the People, KPFA - Ivan Illich with Jerry Brown
1996 THE WISDOM OF LEOPOLD KOHR
1996 Speed? What Speed? (.pdf)
1996 Philosophy... Artifacts... Friendship (.pdf)
1997 Ivan Illich in conversation with Majid Rahnema
1998 The Cultivation of Conspiracy (.pdf)
1998 THE SCOPIC PAST AND THE ETHICS OF THE GAZE (.pdf)
1999 The Conditional Human (.pdf)
2000 The Loudspeaker on the Tower (.pdf)
2000 "The Oakland Table" Conversations Between Ivan Illich and Friends (.pfd)
2001 Guarding the Eye in the Age of Show (.pdf)

Audio Recordings
2009 Audio recording of Illich's friend and colleague, John McKnight
Illich in conversation with David Cayley. Recorded 1988. 53 minutes, 14MB mp3
Illich speaking on schools. Date Unknown. sideA (13MB mp3) - sideB (12MB mp3)

Fórum de discussão

Este grupo ainda não possui nenhum tópico.

Caixa de Recados

Comentar

Você precisa ser um membro de BIBLIOTECA IVAN ILLICH para adicionar comentários!

Comentário de Cristiane Tavares em 7 fevereiro 2014 às 12:02

A obra sociedade sem escola, é uma obra interessante, a quem diga que a escola é salvação para o mundo, porém penso que esse pensamento é uma alienação induzida nas sociedades, até porque que a escola foi feita para domesticação e alienação das camadas mais pobres, para atender as necessidades dos mais estabelecidos. quando Ivan Illich escreve essa obra, ele estava consciente do que estava falando, ele não propõe que se feche as portas das instituições como alguém até interpreta, mas que haja mudança, que passe a estimular a aprendizagem, não a transferência do que já se sabe, sei que é indispensável o conhecimento do ensino é claro, mas que passem é se introduzir, criar e expandir-se, contudo, eu particularmente, não creio nessa tão desejada mudança, pois isso é problema de origem mundial, mas já é alguma coisa ter pelo menos um grupo de pessoas que pensem estrategicamente.

Comentário de Augusto de Franco em 16 setembro 2012 às 6:10

Esta BIBLIOTECA IVAN ILLICH já foi reorganizada.

Comentário de cassia costa em 18 janeiro 2012 às 14:39

Sim, já vi os textos mas ainda não li. Acabei de achar a E=R e tenho lido o que posso com calma e atenção. conforme for estudando os assuntos vou postando algo, aliás quando li Sobre a Constituição da Escola senti como se tivesse voltado ao meu planeta (porque sinto que não sou da Terra rsr), fiquei muito feliz! Obrigada, outro abraço grande!

Comentário de Augusto de Franco em 18 janeiro 2012 às 10:59

Oi Cassia, concordo com você. Aliás, não sei se você já viu, dois textos sobre isso que explicam o que eu e mais alguns de nós pensamos: 

MULTIVERSIDADE

BUSCADORES & POLINIZADORES

Abraços :)

Comentário de cassia costa em 18 janeiro 2012 às 9:54

Oi Augusto, escrevi brevemente lá no face, o assunto é vastíssimo e tem sido difícil trocar idéias com as pessoas afinal são quase todas "escolarizadas"... Seria cômico se não fosse trágico. Mas aqui creio que podemos colher bons frutos. Se levarmos ao pé da letra realmente homeschooling seria a escolarização em casa. Mas a maioria das pessoas não leva em conta a etimologia, confundem educação com escolarização, então é preciso ordenar palavras e pensamentos com muita atenção. Mas como num Brasil escolarizado (emburrecido)? É um beco e nos tiraram a capacidade de encontrar a saída. Nos tiraram com a escola obrigatória e curriculos medíocres e doutrinadores a criatividade e a capacidade de pensar . É só copiar, decorar, provar. Muito papel e teorias e pouca vivência, pouca aplicação.  Muito capitalismo/marxismo/socialismo/comunismo, pouco cooperativismo. Mesmo sem dominar o idioma inglês leio muito sobre o homeschooling, unscooling, e entendo que usam os mesmos nomes, mas as maneiras de se praticar as modalidades são infinitas. Cada família tem seu jeito. É isso que amo na Aprendizagem Natural ou Educação Domiciliar ou ED - que, olha só, não se dá somente no domicílio - a liberdade e o respeito pelas aptidões e interesses e pelo tempo (capacidade de assimilação) da criança. Posso falar um pouco do que para mim é o ideal: estamos na fase de alfabetização, de forma totalmente lúdica. Depois: levar a sério a Língua Portuguesa e o Inglês, Matemática básica e muita, muita arte. Todos os recursos possíveis e imagináveis totalmente livres e disponíveis para suprir respostas adequadas às questões em todas as áreas, que não são poucas, é o tempo todo! Questionamos também a validade e veracidade das informações, pois sabemos que a manipulação das massas é total. E uma observação minunciosa do processo, do progresso e das inclinações que a criança vai demonstrando, para direcioná-la às áreas de domínio ou facilidades. Direcioná-la para ela mesma, não para o capitalismo ou para um bom emprego. Direcioná-la para o empreendedorismo, não para a escravidão. O que as pessoas não atentam é que a própria vida é naturalmente uma sucessao de acontecimentos e quem tem boa autoestima, autoconhecimento, autodomínio, dificilmente terá problemas. Terá simplesmente situações que exigirão decisões, soluções. Tudo depende da forma como encaramos a vida, e esse estado de segurança não tem sido cultivado nas instituições chamadas escola. Ao contrário, cultiva-se o medo e a obediência. Para refletir: o futuro está nas mãos das crianças e jovens, as crianças e os jovens estão nas mãos dos adultos, portanto o futuro está nas mãos dos adultos (nossas mãos) então olhando o panorama a única solução é os adultos mudarem URGENTEMENTE, porque as criança e o jovens já sabem o que fazer. Precisamos aprender com eles.

Comentário de Augusto de Franco em 18 janeiro 2012 às 6:05

Oi Cassia, oi Xará:

O problema com o homeschooling é... o schooling! O pai e a mãe viram professores. Aí danou! Deveria ser homeunschooling.

Comentário de Augusto Cuginotti em 17 janeiro 2012 às 6:26

Legal Cassia - sorte no garimpo - já tem o seu ouro em mãos, né? ;) Abraço!

Comentário de cassia costa em 17 janeiro 2012 às 6:15

Augusto Cuginotti, obrigada pela informação. Já participo de vários grupos e blogs sobre o assunto, o Aprender sem Escola parece que encerrou as postagens mas continuará disponibilizando os arquivos existentes, e tenho participado do Desescolarizar também. Na verdade o que quero mesmo é formar um grupo presencial, mas há poucas famílias aqui na minha região,  e como andam meio escondidas, então o negócio é garimpar. Mas fica a mensagem, e é importante divulgar estas modalidades de ensino, muita gente quer mudar as coisas, aí uns incentivam os outros, essa é a idéia. Um abraço!

Comentário de Augusto Cuginotti em 17 janeiro 2012 às 5:58

Olá Cassia, tudo bom?

Nos sites abaixo tem notícias e links em português:

http://aprendersemescola.blogspot.com/

http://desescolariza.blogspot.com/

Abraços.

Comentário de cassia costa em 16 janeiro 2012 às 21:59

Olá! Tenho Grande interesse em Desescolarização e Educação Domiciliar, quero trocar idéias e experiências, se alguém do grupo está praticando as modalidades com filhos, por favor entre em contato. Quero criar um nodo em Blumenau,SC tenho um ateliê de artes e bastante espaço para oficinas e vivências. Abraços!

 

Membros (47)

 
 
 

© 2014   Criado por Augusto de Franco.

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço