Escola de Redes

VISÕES SOBRE O SIMPÓSIO DA ESCOLA-DE-REDES

Quem participou do Simpósio da Escola-de-Redes (Campos do Jordão, 26-28 de junho de 2009) pode deixar aqui suas visões, impressões, anotações. Se tiver fotos pode pendurar aqui também.

Exibições: 465

Responder esta

Respostas a este tópico

É claro que o primeiro agradecimento, que não foi colocado aqui talvez porque já havia sido feito neste site várias vezes, foi ao Senac SP - ao Jorge Duarte e ao Carlos Lopes, que se empenhou com afinco - pelo fato de terem disponibilizado o Centro Universitário para a realização do Simpósio. E não foi a primeira vez. Em abril de 2008, também foi o Senac que nos acolheu no Grande Hotel, na reunião que lançou os fundamentos da idéia da Escola-de-Redes. De qualquer modo, fica o registro.

Augusto de Franco disse:
Maria Fernanda e vários outros estimularam os agradecimentos (o que é muito importante). Também acrescento os meus:

1 - A todos os que apostaram no simpósio (e alguns não puderam comparecer, mas suas mentes estavam lá).

2 - Aos "papagaios" (lalgarra, mafeteca, richieri, munduruca e albblum) que nos ajudaram colaborativamente a estabelecer belos espaços maturanianos de conversação.

3 - Ao Luis Guggenberger que operou a transmissão ao vivo usando um Nokia N95 8GB e o Qik e o Vivo Zap, juntamente com o Ronaldo Richieri. Luis teve que sair para dar aula em São Paulo e voltou em seguida.

4 - A Claudia, que estabeleceu um espaço fraterno e carinhoso de recepção a todos que chegaram.

5 - Aos meus velhos e novos amigos: sim, confirmei, mais uma vez, que fazer redes é fazer amigos.
Bem, não somente como grupo, tbem pensei em não postar ainda, num fórum, tbem propusemos começar/continuar a escrever novos capítulos de Buscadores e Polinizadores:

Por isso, além das diversas definições de liderança provocadas pelas inúmeras pro-vocações anteriores, segue mais esta para quem quiser ajudar a des/re-construir ideias e conceitos relacionados a (exercício proposto no simpósio para ser realizado a posteriori, por questões de espaço-temporis e-ternos):

- Buscadores/as:

Auto-didatas
os/as que aprender a aprender
papagalianos/as
se(r) virólogos/as


- Polinizadores/as:

Alter-didatadas
os/as que ainda se surpreendem por apreender
ouvirólogos/as
serviramólogos/as


...e assim, por diante, para quem se ins-pirar!

Bjs e abs, Celso (eletrocooperativado)
Queridos amigos, por incrível que pareça só vi esta trilha hoje.
Sendo talvez o último, sinto como um presente ter ganho todas essas memórias, embora chateado por achar que a essa altura todos já leram tanto que não terei mais audiência.

Adorei especialmente a lista que a Fe, com seus olhos de ver, fez com a impressão mais forte que cada um lhe deixou.
Bem, gente, foi uma das experiências mais significativas e prazerosas que já tive.
Que bom que outros fizeram agradecimentos, me lembrando também de fazê-los.
O primeiro agradecimento que faço é a todos vocês que agradeceram, me facilitando pegar a onda.

Agradeço especialmente a cada um com quem pude trocar um Ubuntu - "eu vejo você".

Agradeço ao Augusto o choque ao ouvi-lo falar da falência da escola. Acabo de fazer o download - ao pé da letra - do Ivan Illich "Sociedade sem Escolas", que estava na estante mais alta, meio empoeirado.

Agradeço à Fernanda as lindas imagens com que coloriu os nossos sonhos no ppt.

Agradeço ao Haroldo ter cantado a oração de São Francisco, que eu nunca tinha ouvido antes.

Agradeço à Vivianne, Iuri, Gilmara e Lucele os prazerossíssimos simpósios paralelos que fizemos nos cafés da manhã no albergue.

Agradeço ao meu filhote ter confiado e dado a oportunidade de ver seus olhinhos brilhando e sua cabecinha fervilhando, ao se ver conectado a um mundo que certamente será também seu.

Agradeço aos papagalis as lições tão simples e tão valiosas sobre as conversas.

Agradeço a todos que tiveram paciência e tentaram entender os nexos complicados que eu tentava fazer entre o problema que me incomodava e os conceitos que estávamos aprendendo.

Ao Augusto, especialmente, também agradeço a generosidade e carinho com que semeou e cultivou tudo isso, e por trazer toda a sua experiência de vida para esta Escola.


Onde me vejo nas várias agendas que passaram pelo nosso encontro? Prefiro não me estender, pois temos todo o tempo do mundo para isso. Mas me vejo principalmente no desenvolvimento de relações profissionais em nossa rede para que saibamos nos fortalecer através de nossas complementaridades, em rede. Vejo isso como ingrediente fundamental de sustentabilidade : gerar e realizar valor no mercado e na sociedade. Sobre isso vamos conversar mais no grupo Profissionais e Consultores.

Um grande abraço a todos

Sérgio Storch
Oi, Sérgio.

Bom ter notícias suas, com suas percepções sobre o nosso simpósio. Sobre o grupo de profissionais, como podemos tocá-lo aqui pela rede?

Um abraço do

João


Sergio Storch disse:
Queridos amigos, por incrível que pareça só vi esta trilha hoje.
Sendo talvez o último, sinto como um presente ter ganho todas essas memórias, embora chateado por achar que a essa altura todos já leram tanto que não terei mais audiência.

Adorei especialmente a lista que a Fe, com seus olhos de ver, fez com a impressão mais forte que cada um lhe deixou.
Bem, gente, foi uma das experiências mais significativas e prazerosas que já tive.
Que bom que outros fizeram agradecimentos, me lembrando também de fazê-los.
O primeiro agradecimento que faço é a todos vocês que agradeceram, me facilitando pegar a onda.

Agradeço especialmente a cada um com quem pude trocar um Ubuntu - "eu vejo você".

Agradeço ao Augusto o choque ao ouvi-lo falar da falência da escola. Acabo de fazer o download - ao pé da letra - do Ivan Illich "Sociedade sem Escolas", que estava na estante mais alta, meio empoeirado.

Agradeço à Fernanda as lindas imagens com que coloriu os nossos sonhos no ppt.

Agradeço ao Haroldo ter cantado a oração de São Francisco, que eu nunca tinha ouvido antes.

Agradeço à Vivianne, Iuri, Gilmara e Lucele os prazerossíssimos simpósios paralelos que fizemos nos cafés da manhã no albergue.

Agradeço ao meu filhote ter confiado e dado a oportunidade de ver seus olhinhos brilhando e sua cabecinha fervilhando, ao se ver conectado a um mundo que certamente será também seu.

Agradeço aos papagalis as lições tão simples e tão valiosas sobre as conversas.

Agradeço a todos que tiveram paciência e tentaram entender os nexos complicados que eu tentava fazer entre o problema que me incomodava e os conceitos que estávamos aprendendo.

Ao Augusto, especialmente, também agradeço a generosidade e carinho com que semeou e cultivou tudo isso, e por trazer toda a sua experiência de vida para esta Escola.


Onde me vejo nas várias agendas que passaram pelo nosso encontro? Prefiro não me estender, pois temos todo o tempo do mundo para isso. Mas me vejo principalmente no desenvolvimento de relações profissionais em nossa rede para que saibamos nos fortalecer através de nossas complementaridades, em rede. Vejo isso como ingrediente fundamental de sustentabilidade : gerar e realizar valor no mercado e na sociedade. Sobre isso vamos conversar mais no grupo Profissionais e Consultores.

Um grande abraço a todos

Sérgio Storch
Olá João
Criei no ning o grupo "Profissionais e Consultores", Lá podemos abrir tópicos específicos, fazer eventos etc. Um tópico que eu gostaria muito de discutir, além evidentemente do nosso enredamento para negócios, é sobre a construção de uma ética em nossa rede que favoreça o desenvolvimento de negócios, de forma legítima, mas sem pruridos, pois tenho a percepção de que o termo "negócio" soe um pouco desafinado para parte de nossos colegas, e temos que desmistificar isso como parte necessária da sustentabilidade de um coletivo.

Acho que não fui muito competente na divulgação, pois até agora estou lá sozinho. Aliás, vou postar uma msg no Pontos Focais do Ning, para ver se melhoramos a arquitetura de navegação, pois a multiplicidade de opções já pode atrapalhar a encontrabilidade.

Nos encontramos lá!

Um abraço
Sérgio

João de Paula Monteiro Ferreira disse:
Oi, Sérgio.

Bom ter notícias suas, com suas percepções sobre o nosso simpósio. Sobre o grupo de profissionais, como podemos tocá-lo aqui pela rede?

Um abraço do

João


Sergio Storch disse:
Queridos amigos, por incrível que pareça só vi esta trilha hoje.
Sendo talvez o último, sinto como um presente ter ganho todas essas memórias, embora chateado por achar que a essa altura todos já leram tanto que não terei mais audiência.

Adorei especialmente a lista que a Fe, com seus olhos de ver, fez com a impressão mais forte que cada um lhe deixou.
Bem, gente, foi uma das experiências mais significativas e prazerosas que já tive.
Que bom que outros fizeram agradecimentos, me lembrando também de fazê-los.
O primeiro agradecimento que faço é a todos vocês que agradeceram, me facilitando pegar a onda.

Agradeço especialmente a cada um com quem pude trocar um Ubuntu - "eu vejo você".

Agradeço ao Augusto o choque ao ouvi-lo falar da falência da escola. Acabo de fazer o download - ao pé da letra - do Ivan Illich "Sociedade sem Escolas", que estava na estante mais alta, meio empoeirado.

Agradeço à Fernanda as lindas imagens com que coloriu os nossos sonhos no ppt.

Agradeço ao Haroldo ter cantado a oração de São Francisco, que eu nunca tinha ouvido antes.

Agradeço à Vivianne, Iuri, Gilmara e Lucele os prazerossíssimos simpósios paralelos que fizemos nos cafés da manhã no albergue.

Agradeço ao meu filhote ter confiado e dado a oportunidade de ver seus olhinhos brilhando e sua cabecinha fervilhando, ao se ver conectado a um mundo que certamente será também seu.

Agradeço aos papagalis as lições tão simples e tão valiosas sobre as conversas.

Agradeço a todos que tiveram paciência e tentaram entender os nexos complicados que eu tentava fazer entre o problema que me incomodava e os conceitos que estávamos aprendendo.

Ao Augusto, especialmente, também agradeço a generosidade e carinho com que semeou e cultivou tudo isso, e por trazer toda a sua experiência de vida para esta Escola.


Onde me vejo nas várias agendas que passaram pelo nosso encontro? Prefiro não me estender, pois temos todo o tempo do mundo para isso. Mas me vejo principalmente no desenvolvimento de relações profissionais em nossa rede para que saibamos nos fortalecer através de nossas complementaridades, em rede. Vejo isso como ingrediente fundamental de sustentabilidade : gerar e realizar valor no mercado e na sociedade. Sobre isso vamos conversar mais no grupo Profissionais e Consultores.

Um grande abraço a todos

Sérgio Storch
Queridos amigos
Chamo-os de amigos devido ao grande aprendizado que foi a nossa participação no Simpósio de Campos.
Li varias vezes os comentarios postados até me decidir colocar minhas impressões, e hoje resolvi compartilhá-las na tentativa de anunciar a grandeza das emoções la absorvidas. Minha dúvida era, e continua sendo, se devo me desculpar com todos, em especial com o Augusto, por minhas palavras. Achei que deveria, considerando as repreensões que sofri de meus companheiros de Taubaté por ter "ofendido" a E=R. Então, começo reafirmando que, quando usei "ídolos"ou outros adjetivos, falei de meu respeito pela capacidade de estar em rede, em nenhum momento me reportei a uma figura hierarquizada e piramidal. Por minhas palavras, renovo meu pedido de desculpas!
Agora, quanto ao Simpósio, agradeço a oportunidade de ter me transformado, pois, a partir do compartilhamento de tão valiosa vivencia, nunca mais serei a mesma! As emoções estão vivenciadas ficarão em minha prática para sempre.
Até um próximo!
Acredito que os encontros presenciais serão fundamentais para as ações que agora já sabemos como fazer.
Beijos! Leila

Responder à discussão

RSS

© 2019   Criado por Augusto de Franco.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço