Escola de Redes

Algumas pessoas conectadas à Escola-de-Redes, interagindo no LABE=R no âmbito do NEXT do NEXT, resolveram começar a articular um cluster de inteligência colaborativa em uma cidade à 200 Km da capital de São Paulo. Não será uma empresa, uma ONG ou qualquer outro tipo de organização hierárquica ou burocrática e nem, muito menos, um grupo proprietário que exija concordância com uma visão de mundo ou com uma narrativa para aceitar aderentes e sim um FÓRUM DE INOVAÇÃO PERMANENTE, aberto a quem quiser se conectar e colaborar e trabalhar, presencialmente ou a distância. 

A ideia geral é desenvolver atividades e programas para ajudar empresas, entidades e cidades a desenhar novos projetos de sustentabilidade e configurar novos ambientes de inovação, capacitar articuladores e animadores de redes (netweavers, que serão demandados crescentemente pelo mercado) e iniciar processos de transição para padrões mais distribuídos de organização e modos mais democráticos de gestão e relacionamento. Em suma, basicamente, esse aglomerado em rede vai tratar dos temas do NEXT.

Para entrar nessa iniciativa as pessoas não precisam morar necessariamente na localidade escolhida. Poderão morar onde quiserem e ir para lá durante os eventos e outras atividades que serão realizadas. Mas podem morar lá também, integrando-se a uma vizinhança colaborativa que funcionará em rede e não pretende repetir as experiências das comunidades alternativas - de caráter adesivo ou participativo - que já foram tantas vezes intentadas em vários países e no Brasil na segunda metade do século passado.

A migração é uma mudança de lugar. O objetivo é chegar em outro lugar. Mas o que é, socialmente falando, chegar em um lugar senão interagir com as pessoas desse lugar? Em algumas circunstâncias, porém, para chegar em um lugar temos que sair desse lugar, não para fugir e sim para voltar ao ligá-lo a outro lugar por uma espécie de "buraco de minhoca". E aí, nesse outro lugar, interagir com as pessoas daquele lugar e de outros lugares. O fundamental não é o lugar. Se não for o lugar da interação, o lugar não é nada em termos sociais. Quem enseja a criação - e a criação é tudo, inovação e realização, restauração e cura - é o lugar da interação.

Não é propriamente para fugir de São Paulo (ou de outra cidade qualquer onde estamos agora). É, de certo modo, sair para entrar... Por que? Quando os acessos muito percorridos aos ambientes de um lugar estão configurados de modo a impedir ou dificultar a livre-interação criadora, porque se formaram sulcos no espaço-tempo dos fluxos, que passam a funcionar como creodos, não temos que fugir desse lugar, mas entrar nele por outros caminhos, às vezes por novos atalhos impercorridos. Quando os campos sociais estão fortemente perturbados pela hierarquia e pela competição, a única maneira de abrir espaços horizontais de colaboração é por meio de small bangs, explosões gama jorrando novas ramadas de neurônios..

Migração é um pretexto para mudar padrões recorrentes que se instalam nos fluxos interativos da convivência social. São viagens. Viagens são um modo de quebrar as circularidades inerentes às conversações que conservam determinados modos-de-vida ao reproduzir os mesmos comportamentos.

 

E AÍ?

Haverá um evento presencial para conversar sobre a Migração no LABE=R, em São Paulo, no dia 23 de fevereiro de 2015, a partir das 19h30. Acesse o evento no Facebook no link abaixo:

https://www.facebook.com/events/1543559555895780/?fref=ts

Se você, por algum motivo, não conseguir entrar no link acima, não tem grande importância. O conteúdo que está lá é o mesmo que está aqui (perderá apenas a conversação que está rolando no evento do Facebook, mas poderá participar da conversação aqui). E pode comparecer ao evento assim mesmo. O LABE=R fica na Rua dos Cariris 388, Pinheiros, São Paulo, SP.

Exibições: 864

Responder esta

Respostas a este tópico

Presente!

Não consegui acessar o site por este link, ele está ativo?

 

o/

Idem.....nem com reza brava

Também não consigo acessar o link para o evento no facebook. A mensagem de erro é esta:
"The page you requested cannot be displayed right now. It may be temporarily unavailable, the link you clicked on may have expired, or you may not have permission to view this page."

idem, abs

eu estou conseguindo, tentaram novamente?...

Olá Augusto Franco e a todos,

Aparece a seguinte mensagem no link do FB:

Este conteúdo está atualmente indisponível

Estou dentro!

Participo de um Programa com Princípios, Propósitos (nem tanto, Pessoas) semelhantes. Estamos com muitas dificuldades de MobilizAÇÃO.

Acredito que neste grupo poderei aprender muito e espero contribuir tanto quanto.

Parabéns pela iniciativa!

Compartilhado em www.facebook.com/divisustentável

"Nosso Programa de Futuro para uma Divinópolis Mais Sustentável tem como Princípios Valores e Propósitos como este que estamos compartilhando.

Ouvi de várias pessoas durante muito tempo e recentemente de um grande amigo - o Sr. Wellington que Divinópolis tem muitos e Excelentes Planos e Projetos... falta, no entanto, Pessoas dispostas a implementar estes planos.
Concordo com o Sr. Wellington!

Compartilhando uma iniciativa semelhante à nossa. Vou engajar e vou aprender com eles para aplicar em Divinópolis"

Anexos

Pessoal, vocês não estão conseguindo acessar o link por um ou dois dos seguintes motivos: 1) não estão registrados no Facebook ou 2) Não estão convidados para o evento (não é um evento público, mas apenas para convidados). Quem está no Facebook, por favor me mande uma mensagem e eu incluo no evento. Quem não está no Facebook, por favor, é só se registrar. Se não quiser se registrar perderá apenas a conversação que está rolando lá pois o conteúdo é o mesmo que está aqui. Abraços.

"El mundo era tan reciente que muchas cosas carecían de nombre, y para mencionarlas había que señalarlas com el dedo." Gabriel Garcia Marquez

Que ideia maravilhosa fundar esta Mocondo onde o pensamento corre livre pelas redes sociais.

Que esta rede social seja forte, bela e se reproduza. 

Oba! :-D

Responder à discussão

RSS

© 2019   Criado por Augusto de Franco.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço